O que mais nos agrada nos nossos amigos é a atenção que eles nos dedicam". (
Tristan Bernard )

segunda-feira, 21 de outubro de 2019

Prefeitura de Pilõezinhos promove palestra sobre combate a depressão e prevenção ao suicídio

A Prefeitura Municipal de Pilõezinhos, juntamente com as secretarias de Educação, Saúde e Assistência Social, realizou na na última sexta-feira (18), uma palestra sobre ações preventivas contra a depressão e combate ao suicídio. A reunião foi realizada no Ginásio de Esportes, direcionada para os pais e/ou responsáveis dos alunos do município, e contou com a participação de diversas autoridades e profissionais que falaram sobre a importância da reunião e dos cuidados que devemos tomar em determinados casos.

A prefeita Mônica Cristina iniciou parabenizando as secretarias envolvidas e os respectivos profissionais presentes pela parceria e iniciativa. Estiveram presentes, também, o Tenente Coronel Brandão (Subcomandante do 4º Batalhão de Polícia Militar e Coordenador Regional do Proerd), Cb Iara (Coordenadora adjunta do Proerd do 4º BPM), Cb Visnei (Instrutor do Proerd), Pastor Aclécio (Igreja Batista de Pilõezinhos), Sabrina Jacinto (Secretária de Assistência Social), Antonio Marcos (Secretário de Saúde), Marilene Alves (Secretária de Educação), Arianne Alves (Assistente Social), Rafael San (Radialista), Elisabete Monteiro (Professora), Renan Cordeiro (Fisioterapeuta) e Gabriela Fernandes (Psicóloga).

Na palestra foram pontuados os seguintes assuntos:


DEPRESSÃO

A depressão é um problema médico grave e altamente prevalente na população em geral. De acordo com estudo epidemiológico a prevalência de depressão ao longo da vida no Brasil está em torno de 15,5%. Segundo a OMS, a prevalência de depressão na rede de atenção primária de saúde é 10,4%, isoladamente ou associada a um transtorno físico.

SINTOMAS DE RISCO QUE PODEM CONTRIBUIR PARA O DESENVOLVIMENTO DA DEPRESSÃO

Histórico familiar;
Transtornos psiquiátricos correlatos;
Estresse crônico;
Ansiedade crônica;
Disfunções hormonais;
Dependência de álcool e drogas ilícitas;
Traumas psicológicos;
Doenças cardiovasculares, endocrinológicas, neurológicas, neoplasias entre outras;
Conflitos conjugais;
Mudança brusca de condições financeiras e desemprego.

Além da depressão, os palestrantes também pontuaram e alertaram para o combate e prevenção do suicídio, tendo em vista que esse é um tema que tem causado muita preocupação na população do município.

O suicídio é um fenômeno complexo, multifacetado e de múltiplas determinações, que pode afetar indivíduos de diferentes origens, classes sociais, idades, orientações sexuais e identidades de gênero. Mas o suicídio pode ser prevenido! Saber reconhecer os sinais de alerta em si mesmo ou em alguém próximo a você pode ser o primeiro e mais importante passo. Por isso, fique atento(a) se a pessoa demonstra comportamento suicida e procure ajudá-la.

EXPRESSÃO DE IDEIAS OU DE INTENÇÕES SUICIDAS

Fiquem atentos para os comentários abaixo. Pode parecer óbvio, mas muitas vezes são ignorados:
“Vou desaparecer.”
“Vou deixar vocês em paz.”
“Eu queria poder dormir e nunca mais acordar.”
“É inútil tentar fazer algo para mudar, eu só quero me matar.”

A Prefeitura e as Secretarias do município vêm desenvolvendo ações que buscam expandir ao máximo as informações e cuidados que devemos tomar e, acima de tudo, como devemos agir nos casos supracitados. Uma parceria entre Poder Público e comunidade, todos na luta contra a depressão e combate ao suicídio.

Assessoria

Nenhum comentário:

Postar um comentário