O que mais nos agrada nos nossos amigos é a atenção que eles nos dedicam". (
Tristan Bernard )

domingo, 14 de junho de 2020

Após vencer Covid-19, Dinho Ouro Preto fala sobre aprendizados e mudanças: ”Não fumo, nem bebo mais”

O cantor Dinho Ouro Preto fez um verdadeiro desabafo sobre seus aprendizados e lições após vencer o coronavírus.

Em uma live, o vocalista da banda Capital Inicial revelou que muitas mudanças no seu cotidiano tiveram de ser tomadas depois da contração do vírus.

“O rock’ ajuda a dar vigor e deixei meus excessos para trás. Não bebo, nem fumo mais”, contou ele.

Aos 56 anos, ele revelou que uma das saídas para minimizar as sequelas da doença foi através das atividades físicas. “Gosto de correr. Fui tentar correr depois da Covid e, nossa, foi difícil”, disse ele.

Ao fim, Dinho fez um alerta aos internautas e ressaltou seu pesadelo durante os dias com o vírus.

“Já tive dengue, gripe suína, peguei uma complicada infecção hospitalar quando fiquei internado ao cair do palco, mas dessa vez achei bem sério”, disse. “As sensações eram ruins. Calafrios, dores no corpo. Não é brincadeira, foi duro. Ainda bem que conseguir vencer sem ser hospitalizado, mas foi horrível, terrível”, desabafou.

Wscom

Nenhum comentário:

Postar um comentário