O que mais nos agrada nos nossos amigos é a atenção que eles nos dedicam". (
Tristan Bernard )

domingo, 15 de agosto de 2021

Câmara de Alagoinha inaugura Sala de imprensa Robson Morais Maia

 

A Câmara Municipal de Alagoinha, inaugurou nesta sexta-feira (13), um novo espaço que busca facilitar o trabalho dos profissionais da imprensa que fazem a cobertura institucional da Casa. A sala, localizada ao lado do Plenário, recebeu o nome do radialista Robson Morais Maia.

A proposição da criação da sala de imprensa foi do vereador Adelson Carissé. De acordo com ele -  "o local é considerado de extrema importância, já que vai oferecer um espaço adequado para que os profissionais de imprensa executem sua função com agilidade e rapidez"

 Familiares do homenageado participaram da solenidade de inauguração, a filha de Robson, Zaira Maia e a irmã Neide Maia,  que ainda contou com a presença de representantes dos principais veículos de comunicação de Alagoinha e outras cidades do brejo paraibano.

A solenidade também foi prestigiada pela Prefeita de Alagoinha, Maria de Zé Roberto,  vice-prefeito Alírio Filho, secretários do município, vereadores: Adelson Carissé (presidente), Jefferson Daniel, Davi Cassimiro, Valter Pimentel ,Virginio Pontes, Luciano de Biu de Teu, Vitor Beltrão, além do Advogado Dr. Bisneto Andrade – representando o deputado estadual João Bosco Carneiro Júnior.

Robson Maia

Robson Morais Maia, alagoinhense de berço e de coração, nascido em 08 de dezembro de 1957; um ser criado pela capacidade divina que se portava de forma eloquente perante os microfones.

Um homem simples, porém com uma alma gigante. A eloquência e sabedoria eram patentes em suas palavras. Ao se pronunciar, Robson Maia conseguia manter o público cativo ao entendimento da sua voz – mães de família, pais de família e até crianças. O homem que habitava lá no pé da serra, tinha prazer em ouvi-lo, pois sabia que ele o representava. O estimado locutor conseguia chegar ao agricultor e ao doutor.

O artista da voz, sempre dotado de espontaneidade e eloquência arrancava respeito e admiração pela perfeita oratória que apresentava ao se pronunciar. Uma voz que se calou, em 05 de abril de 1997, mas que ainda  perdura nos corações do povo alagoinhense. 

Fotos - Silvania Victor

Flaviana Oliveira / Cristiano Alves


Nenhum comentário:

Postar um comentário